Páginas

sábado, 13 de novembro de 2010

GRAZIE, SIGNORE! (Obrigada, Senhor!)


"Grazie, Signore, pois os teus lábios contorceram-se a fim de ajustar-se ao meu ser pecaminoso, por julgar-me não pelas minhas poucas boas obras, mas pelo teu amor que é tua dádiva para mim, por teu insuportável perdão e infinita paciência para comigo, por outros que dons maiores do que eu e pela honestidade de reconhecer que sou uma maltrapilha. Quando a última cortina cair e me chamares para casa, sejam minhas últimas palavras murmuradas nesta terra, um clamor de corpo e alma:

GRAZIE, SIGNORE!


Brennan Manning
In livro: O Evangelho Maltrapilho / Pág. 125.

2 comentários:

A Peregrina disse...

Lindo demais!
Se não se importa vou postar lá no meu Blog.
Te amo.

ROSÂNIA disse...

OBRIGADA PELO CARINHO E ATENÇÃO!!!!
MIL BJOS,
RÔ(ARTESARÔ)

Postar um comentário

Estou feliz pelo seu comentário!!!
Volte sempre que quiser, prazer em receber.